segunda-feira, 30 de maio de 2011

Mantenha sua chama acesa!



Acredite...
se mantiveres viva
a chama do amor
ele resistirá até mesmo ao tempo
especialmente a distancia
Enquanto houver uma chama
um ínfimo ponto de luz
o amor continuará vivo!
Acredite...
se tiveres no coração um espaço
o amor tomará posse
não importa quando
saiba, acontecerá no instante certo
quando seu coração
estiver pronto para amar intensamente!
(Fouquet, 29 de maio de 2011)
                      http://marcelofouquet.blogspot.com

domingo, 29 de maio de 2011

Onde estás quando te preciso?

Nas horas em que preciso de um amigo,
para me ouvir e aconselhar,
é aí que me dou conta,
a solidão não tem par.

Nos momentos em que preciso de ti,
para me livrar do abismo,
defronto-me com a realidade,
és tu mesmo, o meu precipício.

Nos instantes em que imploro tua presença,
seja espiritual, ou física,
é que descubro como tua indiferença
me consome,
pois não encontro
nem o amigo, nem o homem...

Regina Azenha

http://sonhosemiragens.blogspot.com

 

Queria...


Queria do mundo pudesse
Esquecer por uns minutos
Você e eu apenas ser
Queria lhe falar da saudade
Que dói no peito
Embaçando a realidade
Queria sua voz poder ouvir
Sussurrando que me ama
E que não vais mais partir
Queria ser o tempo
Fazer do relógio meu compasso
E seguir seus passos
Queria ver seu sorriso
Imaginar sua felicidade
Fazer parte de sua verdade
Queria poder seus olhos ver
E neles me refletir
Me fazendo crer
Que sou parte de você!

Dina Isserlin
http://sonhosemiragens.blogspot.com

Por do Sol





O sol se escondia nas montanhas, o frio da noite chegava.
Contemplar este momento foi especial, minha respiração ofegava.
O reflexo nas águas encanta, pra completar ao meu lado você estava
Há muito tempo não via algo tão belo e encantador.
Isso tudo é divino, supremo, tanto quanto uma bela flor;
.
Seu olhar cativante, sorriso sereno, cabelos encaracolados...
Formam a beleza que molda este rosto meigo, neste dia ensolarado.
Beleza vestida de mulher, ou seria, mulher revestida de beleza?
Acho que as duas, pois elas se fundem, se confundem com sua realeza
E eleva os pensamentos, a inspiração para contemplar a natureza.
.
Queria este momento não terminar, parar o sol ali e aqui ficar.
Deixar a imaginação, os sentimentos, tomar um barco e navegar.
Navegar sem rumo nem direção, apenas sentir a brisa e sua emoção.
Que ele nos leve bem longe, longe o quanto mandar nosso coração.
Este por de sol foi lindo e para sempre estará na minha recordação. 
 (Nivaldo Joaquim)
http://nivajoaquim.blogspot.com

sexta-feira, 27 de maio de 2011

REFLEXÃO


Conseguirás fechar teus olhos para aquilo que não queres ver, mas jamais conseguirás fechar teu coração para aquilo que não quiseres sentir... o que sentimos é mais forte, ultrapassa o tempo e até mesmo a distância, jamais enganaras teu coração...apenas sinta-o e viva feliz!
(Fouquet, 27 de maio de 2011)
http://marcelofouquet.blogspot.com

quinta-feira, 26 de maio de 2011

Amor: o regresso!



O amor não morreu!
e dificilmente morrerá
mesmo que seja deixado de lado
esquecido num canto
Moribundo ele segue seu caminho
nas linhas de algumas poesias
e naqueles corações
que ainda acreditam nele
Mesmo 
arrastando-se na penumbra,
com o corpo em chamas...
sem falar na alma que sem força
luta, agarra-se ao coração
que ainda sangra
Mas assim, enquanto houver
existir um poeta se quer
resistirá a mais intensa tormenta
O amor é forte...
resiste ao frio e até mesmo as águas gélidas
como um naufrago solitário
resiste a tudo até aos dissabores
Ventos e mares...
guerras e catastrofes climática
Permanece firme
resiste a tudo

libertam os corações cativos,
é tempo dele regressar,
porque se esconde dentro de nós
e não morreu ainda,
porque vem do eterno
Bem das nossas profundezas
ele resiste a tudo
e eventualmente ressurge
respira com o auxilio de aparelhos
bate fraco...mas sobrevive!!!
(Fouquet, 26 de maio de 2011)
http://floradapoetica.blogspot.com

DIREITOS RESERVADOS


Eu me reservei o direito
De ir e vir,
De aceitar apenas o que me servir
De chorar e de sorrir
Quando tiver vontade
De calar e ouvir
Quando sentir necessidade
De falar e exprimir
Tudo que pra mim é verdade
De gritar e me fazer ouvir
À quem eu julgue
Merecer minha amizade
De ignorar e desprezar
O que pra mim é maldade
De abolir de minha vida
Toda a forma de infelicidade
Sim, eu tenho esse direito.
À mim foi concedido
O livre arbítrio
E isso... Ninguém me tira!

Rita Encinas
http://sonhosemiragens.blogspot.com

AQUELE CARA

Quem é aquele cara
que anda ziguezagueando
pelas ruas e calçadas
cantarolando
velhas e renovadas baladas de amor
Parece estar sempre apaixonado
desligado de tudo
focado em uma imagem
perdida nos ares?
Quem é aquele cara
que passa por lojas e bares
e atreve alguns olhares
mas logo retorna à sua miragem
Com certeza é alguém que crê em seus sonhos
e empreende no mesmo momento
tantas viagens
Quem é aquele cara
que dispara tantos versos
nas múltiplas faces
de um rosto
que só ele consegue interpretar?
Que é aquele cara
que anda sempre só
que bate o pó do moleton
e deixa a jaqueta sempre relaxada
aberta como se esperasse abrigar alguém
para oferecer o abraço mais longo possível
o abraço definitivo
para selar um amor
tão irresistível?
Quem é esse cara
esse andarilho
que truque é esse
de parecer que anda dentro de um conversível
com o capô sempre aberto?
que truque é esse
de parecer que voa sobre um tapete mágico
e faz florescer um deserto?
Seria a lâmpada de Aladim....
claro que não....
apenas o clarão de um amor sem fim...
Quem é esse cara enfim
que mergulha em seu olhar?

Carlos Gutierrez 
http://poema-gutipoetry.blogspot.com/

terça-feira, 24 de maio de 2011

Sonhe com aquilo que você quiser.
Seja o que você quer ser,
porque você possui apenas uma vida e nela
só se tem uma chance
de fazer aquilo que quer.
Tenha felicidade bastante para fazê-la doce.
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana.
E esperança suficiente para fazê-la feliz.
As pessoas mais felizes não têm as melhores coisas.
Elas sabem fazer o melhor das oportunidades
que aparecem em seus caminhos.
A felicidade aparece para aqueles que choram.
Para aqueles que se machucam.
Para aqueles que buscam e tentam sempre.
E para aqueles que reconhecem a importância das pessoas
que passam por suas vidas.

domingo, 22 de maio de 2011

Os magos mais uma vez
me ouviram ... me atenderam
Pra tocar o meu coração
... mexer em meu sentimento
... me fazer balançar
verdadeiramente ... amar
... teria que ser ... exatamente assim
... igual a você
Basta um toque um afago um beijo
... e perco o folego a respiração
Sinto o seu cheiro ...
sem que voce esteja perto de mim
Ouço sua voz ... sorrio
algo mágico ... surpreendente ... acontece
parece até que posso tocar as estrelas
que estou flutuando
... pisando nas nuvens
que o ar que respiro é mais perfumado
Acompanho o batimento forte
e apressado do meu coração
... sem conseguir controlar
Vejo tudo com mais nitidez
... noto um brilho diferente
que passou a morar em meu olhar
Sinto um vendaval de sensações
quando ... até então
... haviam acontecido somente
brisas suaves em meu coração
... constantemente ...
Sem que possa ao menos me controlar
brota um sorriso em meus lábios
afloram certas lembranças
... e deixo escapar algumas palavras
de carinho vibro demais
... com alguns sonhos que se repetem
... que pertencem a uma só pessoa
Nunca senti alegria tão fantástica
que não chamo de paixão
nada é igual a tudo que ja senti
Sempre esperei surgir algo assim
admito que fomos feitos um para o outro
tamanha comunhão
de pensamentos ... afinidades
Vivo fazendo crescer este sentimento
... em meu interior
nunca duvidei ... sei que isto é amor !...

(Ana Luiza Lameirão Menezes Frotta/http://www.universodasartes.com/poesias/poesias_analuiza_lameirao_menezes_frota.htm)

sábado, 21 de maio de 2011

Quando for te visitar ... levarei flores
... muitas delas
mas ... quando te entregar
gostaria de encontrar
toda aquela beleza em teu sorriso
queria ver muita ternura em teu olhar
... sentir a força do teu abraço
... e o calor dos teus beijos
Quanto as minhas flores ...
não esquecerei de tirar os espinhos
... que poderiam vir a te machucar
as folhas envelhecidas ... os galhos secos
... que entristeceriam o teu olhar
quanto a você ... te peço pra não demonstrar
... tuas dores embutidas
... reconhecidamente honestas e reais
que gostaria que tivessem
... sido perdidas no tempo
... quando for te visitar ... levarei flores
... muitas delas
perfumadas ... alegres ... coloridas
... parecidas contigo !...
Quando for te visitar
quero te encontrar igual a sempre ...
Quanto as flores ?...
... claro que as levarei !...
mas nem sei ... se iremos notar ...
(( Ana Luiza Lameirão Menezes Frotta  , janeiro 2001))
Sabia que ia voltar ... esperei
sempre voei pra você ... em meus pensamentos
em tempos de lágrimas ... usava o silêncio
embora não ouvisse os meus lamentos
estive a seu redor ... mesmo a distância
... respirava você ...
no alto ... na praia ... no velho mundo
... coinscientemente ...
me portei com elegância
nunca pousei ... sabia que ia voltar ... esperei
... ter você ...
no meu pensamento ... constantemente
sem nunca te-lo afastado de minha mente
me fazendo voar tão alto ... docemente
em minhas lembranças ... durante todas as noites
e ser sua brisa suave ... diariamente pela manhã
virou verdade ... novamente
poder abrir meus braços ... e sentir você entrar direto
... em meu coração ... me amando e sendo amado
... com total aceitação ... como sempre sonhei
absolutamente garanto ... nunca mais te perderei
... um brinde ao amor !...
(((Ana Luiza Lameirão Menezes Frotta 15 junho 2002 )))

sexta-feira, 20 de maio de 2011

Fim de Caso



Mais uma vez o show chegou ao fim,
e o fim é sempre triste de se ver,
cansativo, previsível, dolorido...
porém, rigorosamente inevitável!

Siga em paz o seu caminho.
Dessa vez não compro o morto, eu passo...
também não conte com o meu abraço.
Abrace-se ao espelho,
o seu melhor companheiro!
E nem precisa ter medo de se ferir,
nenhum estilhaço pode lhe atingir,
porque você não enxerga nada,
além do seu próprio umbigo...

Vá em frente, moço!
Mas não comigo.

Dispenso o lenço branco,
as lágrimas de crocodilo,
mentiras também, não são bem vindas.
Nessa área fiz mestrado, doutorado
conheço das mais feias às mais lindas,
mas meu tempo é precioso demais,
para gastá-lo com mentiras...

Não precisa de desculpas,
tampouco me acenar...
Vá depressa ou vá devagar,
mas vá... eu quero paz,
Não olhe para trás!

Na verdade, ouvindo essa música,
foi fácil entender, viajar mais além:
- "Você sabe muito bem...
No nosso caso,
felicidade, começa num adeus..."

E a hora é agora!
É triste porque eu nunca quis,
mas me desculpe, eu tenho pressa,
preciso ser feliz!

Se é por falta de adeus...
Au revoir...
Tschüss
 Viszlát
Arrivederci
Adios...
Adiau
bye bye...
(Tere Penhabe Santos, 13/10/2008)

Meu Sonho

Parei as águas do meu sonho
para teu rosto se mirar.
Mas só a sombra dos meus olhos
ficou por cima, a procurar...

Os pássaros da madrugada
não têm coragem de cantar,
vendo o meu sonho interminável
e a esperança do meu olhar.

Procurei-te em vão pela terra,
perto do céu, por sobre o mar.
Se não chegas nem pelo sonho,
por que insisto em te imaginar ?

Quando vierem fechar meus olhos,
talvez não se deixem fechar.
Talvez pensem que o tempo volta,
e que vens, se o tempo voltar.

(Cecília Meireles)

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Magia

Hoje eu queria que você
Sussurrasse em meu ouvido
Uma canção de amor.
Com toques de luxúria.
E a suavidade de uma sinfonia...
Regidas com a maestria,
Que só você possui.
Deixe-me absorver toda
Essa magia que é amar você.

Maria Bonfá
http://ummardesonhos.blogspot.com/  http://xan-e-le.blogspot.com

Não digas nada...



...se preferires
quero de ti hoje algo simples
muito fácil mesmo
...dá-me apenas o silêncio do teu abraço
se ainda quiseres
da-me um sorriso...
aquele que faz iluminar-te a face
e teu olhar fica ainda mais lindo
se preferires...
quero de ti outras coisas simples
quem sabe possas me fazer
apenas companhia...
dá-me o que quiseres
na quantidade que puderes
não exigirei nada...
dá-me apenas teu abrigo!
(Fouquet, 18 de maio de 2011)

quarta-feira, 18 de maio de 2011

Desejo Você


Quero você antes que o dia amanheça.
Antes do sol nascer.
Nesta noite de lua tão bela.
Branca... nua... e pura.
Esperando para ser amada.
Vem meu amor dispa-me completamente.
Hoje sou tua...

Possua-me... sem pudor....sem limites...
Fúria louca.
Queimando em fogo ardente.

Quero suas mãos desvendando meu corpo.
Quero sentir seu toque.
Seu corpo nu... seu suor de misturando ao meu.
Quero beber do cálice que é teu corpo.
Desvendar teus segredos...

Realizar teus desejos.
Sentir o cheiro do teu sexo.
Me faz fêmea..
Me enlouquece...
Neste cio ... nesta tara...

Momento único..
Fecho meus olhos e entrego-me... de corpo e alma
Neste instante.
Quebrando o silêncio... os gemidos...
Por fim o inevitável.
O orgasmo...
Trocas de carícias...e olhares
Beijos longos e cheios de carinho.
E juntos adormecemos...

(Valéria Aparecida Machado)

terça-feira, 17 de maio de 2011

Num dia desses...




És mulher linda,
um anjo...fada... 
que me deixa à vontade 
e sente-se à vontade!
Não soube identificar ao certo
se é sua roupa... cabelo...olhar...
ou seu cheiro verdadeiro
feromônio puro
só posso afirmar que foi algo bom
que invadiu meu ser
Mulher intensa...
transpirava da sua pele muita vontade
cada palavra sua...
tocava fundo...bem aqui dentro
nas profundezas dos meu ser
Compartilhamos tantas coisas
vontade imensa de amar e ser feliz
Olhei-a como um todo
até mesmo li sua alma
que conversou tranqüila com a minha
Senti-me apaixonado, 
com o coração batendo mais forte, 
loucamente acelerado...
Pensei que só os adolescentes 
é que sentiam isto...
uma vontade intensa
de estar perto...bem junto...
como jovens maduros
uma vontade de beijar a boca
que me hipnotizou...embriagou...
eu só queria a ela...
delírio de tê-la em meus braços
num amasso...carícias aqui e alí!!!
(Fouquet, 12 de maio de 2011)

segunda-feira, 16 de maio de 2011

Amigos eternos!


[...]Então tá combinado, é quase nada, 
é tudo somente sexo e amizade[...]
Maria Bethânia cantou certa vez
mostrando que sozinho jamais ficaremos
temos amizades puras e verdadeiras
que para espantar a solidão
misturamos nossas vidas
damos guarida as nossas almas
fazemos amor nesta amizade colorida
A vida de hoje é assim...
conversa vai, conversa vem...
sentimentos intensos
momentos puros... amores ousados
cheios de desejos
Somos amigos... amantes as vezes
mas sabe, amigos eternos!
Amores desgastam...amigos permanecem
mantém-se no caminho
assim amigos verdadeiros valem mais
que amores passageiros!
(Fouquet, 16 de maio de 2011)

Ontem estava triste, hoje...

...você chegou assim...
chegou bem perto
olhou-me profundamente
lendo a minha alma
devorando a minha pele
viajei em sonhos infinitos
e me permiti...
me ative em teus braços
num abraço gostoso
tirando da minh'alma toda mágoa
aquela dor incontrolável
rapidamente esqueci meu passado
Virei a página... seguindo meu caminho
que diante dos meus olhos
tomou posse de mim...invadiu-me
tirando tudo, até aquela saudade
És meu presente surpresa 
aquele que pedi ao meu Anjo da guarda
e Deus  me permitiu
colocou-te em minha vida.
Obrigado...muito obrigado mesmo
por entrar em minha vida
e estirpar em definitivo
tudo aquilo que sentia do passado!
Hoje liberto...me entrego ao mundo
me mostro a todos
como um ser liberto
pronto a receber a vida
encontrar amores e amar novamente!
(Fouquet, 16 de maio de 2011)

O que você achou do novo visual?