segunda-feira, 2 de maio de 2011

Nossas almas nuas!


Minha alma... clama!!!
carece por outra alma insana
que enlouquece com um beijo
um toque mais ousado
loucos por momentos intensos
tardes loucas...
madrugadas com infinito prazer
Minha alma, chama a tua
se delicia por entre toques
beijos suaves e intensos
sedução com tanta fantasia
Minha alma... te quer
deseja-te inteiramente nua
trêmula e infinitamente obscena
Nossa mistura é fusão pura
almas...corpos... fluídos...
misturados, alimentando nossos sonhos
criando muito prazer e sedução
Instigamos nossos desejos
resgatamos nossos sonhos
que nos alimenta de tanto desejo
daqueles infinitos momentos
saciando-nos em gozo...
Sussurros...gemidos... 
gritos que vem do teu ser
Beijo-te a cada poro
a cada espaço vago
preenchendo-te com meu prazer
Permita-me encaixar-te a mim
num vai e vem magistral
nesta loucura intensa...
prazer meu e teu... nosso!
(Fouquet, 2 de maio de 2011)

Somente hoje!


Hoje negaria o mundo 
Apenas por um beijo 
Negaria vozes... 
Choros, cantos, tristezas e alegrias… 
Hoje negaria mãos na cabeça, 
Palavras de consolo… 
Hoje… negaria o céu, 
o mar também… 
e até mesmo a terra… 
As estrelas… 
Hoje apenas não te negaria 
Hoje poderia passar horas a ouvir-te 
Sem eu próprio dizer uma palavra… 
Negaria conforto… 
Hoje… apenas por um beijo teu... 
Hoje viveria só do teu olhar doce… 
Hoje negaria tudo 
até mesmo que me quisessem oferecer… 
Hoje, apenas por um beijo teu 
Só o meu sorriso te ofereceria! 
Deixa-me aconchegar a ti 
E adormecer junto ao teu corpo… 
poderia ser em qualquer lugar! 
Hoje ficaria contigo 
só hoje eu me entregaria 
Para ficar ao teu lado
o resto da vida...
até o fim da minha existência
negaria tudo...tudo mesmo
 Menos, um beijo teu!
(Fouquet, 19 de abril de 2011)

O que você achou do novo visual?