sábado, 30 de abril de 2011

UM DIA SERÁ NORMAL

Quem poderia dizer que depois de tanto amor,
haveria tanta indiferença entre nós?
Quem poderia dizer que não seguiríamos juntos
e terminaríamos sós?

O que tínhamos acabou e
nem as recordações quiseram ficar.
Não restou nada além desse imenso e frio vazio.
Não restou nada além de uma grande decepção.

Lembro-me de quantos sonhos tínhamos,
lembro de quanta emoção.
Sei que tudo realmente não passou de sonho,
pois o que vivemos foi tudo ilusão.
É estranho agora ter que recomeçar.
Trilhar um caminho solitário, sem
saber o que irá me esperar.

É estranho olhar para o lado e não te encontrar,
muito mais estranho é não ter você
para me apoiar.

Sei que uma hora eu irei me acostumar.
Achar normal em contar somente comigo.
Sei que a saída do labirinto eu vou encontrar.
Um dia será normal te ter como amigo.

(Andrea BAG)

Nos meus sonhos..."

"Nos meus sonhos..."

Encontros inesperados!



Para que me buscas?!
pois também buscava-me
por aí...e nada encontrava...
Um dia descobri que minhas buscas
eram tão mesquinhas
tão ínfimas que não queria nada
que minha busca era
para saciar as minhas faltas
sem pensar em mais nada
somente em satisfazer desejos
que de tão infundados
me inundavam de sofrimento
e mais me procurava em ti
sem saber ao certo onde meu eu está
Procurei-te até no fundo de teu mar
e só encontrei-te
quando em mim mesmo encontrei!
(Fouquet, 30 de abril de 2011)

O que você achou do novo visual?